NOME DE POBRE NO BRASIL

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

MENSALÃO, PALAVRA CRIADA POR ROBERTO JEFFERSON

No dia 6 de fevereiro de 2005 deu-se o registro de uma nova palavra da língua portuguesa. Era mensalão e foi criada pelo então deputado federal Roberto Jefferson (PTB-RJ), em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo. Foi formada a partir de mensal, do latim tardio mensuale, de mensis, mês, de uma raiz indo-européia -*me, que deu em grego métron, medida, e em latim metiri, medir. Este aumentativo pa ssou a designar desde então um complexo sistema de corrupção de parlamentares, feita por “organização criminosa”, conforme denúncia oferecida ao STF por Antonio Fernando de Souza, procurador-geral da República. Ainda antes de ser julgado, o mensalão resultou na queda de vários ministros e na cassação ou na renúncia de vários deputados, incluindo o denunciado como chefe da quadrilha, o deputado federal e então ministro José Dirceu. Foram acusadas 40 pessoas (35 homens e cinco mulheres), que respondem por oito crimes: formação de quadrilha, peculato, corrupção ativa, corrupção passiva, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e gestão fraudulenta. Na mesma denúncia, o publicitário Duda Mendonça responde por operações de lavagem de dinheiro, por ter recebido do PT uma montanha de dinheiro no exterior.