NOME DE POBRE NO BRASIL

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

OS FUZILADOS DE SOCA, NO URUGUAI

A falta que faz um WikiLeaks na América do Sul! Estou no Uruguai por uns dias. Viajo de carro. Vi a algumas dezenas de quilômetros de Montevideu uma plaquinha na estrada indicando Memorial dos Fuzilados de Soca, com saída à direita, para quem vem de Punta del Este. Estranhei que, lendo jornais todos os dias no Brasil, não tenha sabido disso. Em 1974, seis uruguaios foram sequestrados na Argentina e fuzilados na localidade de Soca. Um sobreviveu e contou a história, em 2004, trinta anos depois, mas em 1985 a Armada uruguaia já pedira perdão a um capitão de fragata, que é irmão de uma das vítimas. Amaral García, menino naquela época, é filho de uma vítimas. Em agosto deste ano os ditadores uruguaios Juan Matia Bordaberry e Gregorio "Goyo"Alvarez foram condenados por estes e outros crimes. Goyo pegou 25 anos de prisão. Está com 84. Era a tristemente famosa Operação Condor, que quase deu certo em Porto Alegre. Os gaúchos devem lembrar dos jornalistas Lilian e Gumercindo, e do Didi Pedalada, figuras do caso!