NOME DE POBRE NO BRASIL

segunda-feira, 13 de junho de 2016

LEITURA, ILUSTRAÇÃO E ANALFABETISMO

Humberto de Campos fundou a revista "A Maçã", que circulou no Rio de Janeiro, entre 1922 e 1929. Quem lia, só lia coisas ilustradas. Até os livros eram ilustrados. E se escrevia bem! Vejam o soneto de Nelson Tangerini, poeta e compositor. E vejam a ousadia da ilustração! Um século antes, convidado a fundar uma revista para circular no Brasil, Eça de Queiroz recomendou a Martinho Botelho que a publicação fosse ilustrada porque o analfabetismo era ainda muito grande, em Portugal como no Brasil. Consultei e pesquisei a coleção completa na Fazenda Pinhal, então da família de Modesto Carvalhosa e Helena Carvalhosa, pais de Sofia Carvalhosa, nos arredores de São Carlos (SP). Não sei se a coleção ainda está lá.